Saiba onde fazer intercâmbio na Irlanda – veja 4 alternativas

Obviamente, você está estudando a possibilidade de fazer intercâmbio na Irlanda ou levar o seu filho para esse destino, não é mesmo? Mas, dentro do país, você sabe quais os melhores lugares para se estudar inglês? A gente vai te dar algumas respostas para essa pergunta.

Por exemplo, considere que Dublin é a capital do país e uma referência para cursos de idiomas. Há brasileiros que vão para lá estudar por um único mês ou até mesmo anos. Mas, por outro lado, por ser turístico, também é um dos pontos mais caros para se morar, viver e estudar.

Desse modo, a gente pode considerar algumas alternativas inteligentes e mais baratas para estudar inglês na Irlanda. Por exemplo, tem um lugar chamado Limerick, que é para quem quer entrar de cabeça na cultura local, inclusive, aprender sobre os vikings também.

Mas, fique tranquilo que vamos explicar melhor sobre cada um desses lugares. Além de tudo isso, também vamos mencionar o que você precisa considerar para tornar possível o sonho de estudar na Irlanda. Inclusive, vamos começar o conteúdo por esse tópico, acompanhe.

O que é preciso para estudar na Irlanda?

A gente precisa analisar várias coisas importantes aqui. Primeiro que atualmente viajar para a Europa é algo totalmente possível e simples. Outra coisa é saber que estudar inglês na Irlanda é uma ideia muito boa dependendo do seu objetivo.

ANÚNCIO

A partir disso, temos que considerar que o Stamp 2 é o tipo de visto para estudantes brasileiros que querem ir para a Irlanda para o estudo. Com esse visto dá para trabalhar por 20 horas semanais ou até 40 horas no regime de full-time.

No entanto, a pergunta que se faz é: quais as exigências para tirar o visto de estudante para a Irlanda? Anote aí os requisitos: passaporte com validade de 6 meses, comprovante de pagamento do curso, comprovante de 3 mil euros para se manter por lá.

Além disso, ainda é preciso apresentar o comprovante de hospedagem, da passagem de volta, do seguro saúde e os 300 euros que são cobrados pelo visto. E sobre onde estudar? Vamos falar disso agora mesmo.

Onde fazer intercâmbio na Irlanda?

Como já mencionamos acima, considere que existem várias possibilidades para quem quer estudar na Irlanda. Isso vai desde a capital, Dublin até mesmo cidades do interior, como a já chamada Limerick. Vamos falar de cada uma delas.

1 – Dublin

A capital é um dos mais buscados destinos para quem quer fazer intercâmbio na Irlanda. Ele tem aproximadamente 1,3 milhão de habitantes, sendo que é uma área urbana e turística. Entre os atrativos, o lugar tem a fábrica de cervejas Guinness e o Temple Bar também.

Conheça a história de Dublin – na hora de viajar para a Irlanda

Para os brasileiros que conhecem e se dão bem em cidades como São Paulo, Rio de Janeiro ou Brasília, Dublin não vai ser algo tão complicado assim. É o que temos mais perto de uma “cidade grande”. Atualmente, a maioria dos brasileiros no país estão lá.

2 – Galway

Essa é uma opção de experiência para quem quer algo mais do tipo “cidade do interior” e que não quer aquela ideia de grande centro urbano. Em Galway, um dos atrativos é a cultura, chamada de “irish”. A cidade em si é muito charmosa e um polo universitário.

Modéstia à parte, é bem menor do que Dublin. Por isso mesmo será raridade você encontrar alguém que fale o idioma português. Portanto, acaba sendo uma forma bem prática de aprender o seu novo idioma.

3 – Cork

A próxima cidade que trouxemos aqui como opção para quem quer fazer intercâmbio na Irlanda é Cork. Também é um dos destinos menos conhecidos. Ainda assim, atrai uma boa quantidade de estudantes o ano todo.

Cork tem instituições educacionais importantes e oferece uma ótima estrutura para os alunos. Além do mais, abriga o Butter Museum, o International Museum of Wine e o St. Ann’s Church, uma igreja de 1722.

Vai estudar na Europa? Conheça essas 4 universidades europeias

Atualmente, é uma ótima opção para quem vai fazer o intercâmbio pensando na experiência profissional para o mercado de trabalho.

4 – Limerick

A próxima e última opção é Limerick, que já foi citada em boa parte deste conteúdo. A cidade é para quem quer fugir mesmo da cidade grande. Por outro lado, o lugar é rico na cultura irlandesa e quer aprender também sobre os vikings.

Isso porque a região toda respira essa história. Além do mais, não é uma cidade que fica muito longe da capital, caso você precise ir para lá vai ser simples. Mas, tem uma qualidade imbatível que só cidades do interior podem oferecer.

Saiba também sobre o ensino superior na Irlanda

Ainda que o foco não seja mais falar do intercâmbio, vamos manter a pauta da educação nesse país. Até mesmo porque após fazer o estudo de linguagens lá pode ser que você queira se especializar em alguma área do ensino superior.

O que você precisa saber é que o valor da anuidade dos bacharelados, dos mestrados e dos doutorados são bem caros para quem não é europeu. No entanto, há formas de ingressar nas universidades através de bolsas de estudo também, como através da Graduate Scheme.

Outra curiosidade é que para estudar na Irlanda nesses cursos, o brasileiro vai precisar comprovar um nível de proficiência em inglês. A maioria das instituições exigem o teste do IELTS e cada curso pode exigir uma pontuação mínima para a entrada do estrangeiro.

Entre as universidades mais conhecidas da Irlanda, temos: Trinity College of Dublin, University College of Cork e a UCD, que é a University College of Dublin.

ANÚNCIO