Saiba tudo sobre viajar para as ilhas Maldivas

As ilhas Maldivas estão na lista de destinos de viagens que todos sonham em conhecer um dia. Aliás, existem ótimas razões para você visitar a ilha pelo menos uma vez na vida. Por isso, quando você for viajar para as ilhas Maldivas, considere conhecer tudo sobre o lugar. Este artigo é para falar disso!

E já vamos te adiantar uma coisa. Embora, tenha uma fama de ser um destino de luxo e muito exclusivo, apenas para quem tem uma conta bancária bem gorda, saiba que as pessoas que não são tão milionárias assim também podem conhecer esse lugar paradisíaco.

Acompanhe as dicas abaixo para descobrir tudo sobre como é viajar para as Maldivas.

Sobre a viagem para as ilhas Maldivas

As ilhas Maldivas formam um arquipélago de aproximadamente 1.200 ilhas. Portanto, são muitas ilhas mesmo. E mesmo que você conheça outros amigos que vão para lá na mesma época que você, saiba que nem sempre será possível encontra-lo.

ANÚNCIO

Elas ficam localizadas no oceano índico, mais especificamente ao sul da Índia. Assim, acaba sendo uma ilha vizinha a outros famosos destinos dos brasileiros: Tailândia e Cingapura.

Aliás, a localização é considerada bem estratégica porque está a poucas horas do oriente médio.

Vale lembrar, ainda, que brasileiros não precisam de visto de turismo por até 30 dias para ficar no arquipélago. Por outro lado, a carteira internacional de vacinação contra a febre amarela é obrigatória.

E como em toda viagem internacional, também é importante ter em mãos as reservas no seu hotel e a passagem de retorno.

Para finalizar esse tópico sobre a sua próxima viagem, saiba que para chegar às Maldivas saindo do Brasil é necessário fazer ao menos uma conexão. E existem várias opções de voo com parada na Europa, África e Oriente Médio.

Réveillon Asiático – Conheça 5 destinos incríveis para este fim de ano

Sobre o custo da viagem para as ilhas Maldivas

A verdade é que as passagens aéreas para as Maldivas não costumam ser baratas. E, para início de conversa, os preços giram em torno dos R$ 5 mil.

Felizmente, é possível combinar as Maldivas com outros destinos barateando bastante os custos do seu passeio. Por exemplo, se você for a Tailândia é possível reservar voos com companhias e conhecer a capital das Maldivas.

Agora, independente da sua escolha, se você vai viajar para as ilhas Maldivas, saiba que a cor do mar e a qualidade da praia quase não muda em nenhum lugar do arquipélago todo. No entanto, algumas ilhas são privadas e reservadas aos resorts e hotéis de luxo.

Já outras são públicas e abertas à comunidade local e aos turistas mais aventureiros.

É melhor ir para as ilhas privadas ou públicas?

Cada uma dessas opções tem seus prós e contras. Por exemplo, nas ilhas particulares, sem dúvida alguma, o luxo é o maior diferencial. E lá que você vai encontrar aquele cenário de lua de mel com bangalôs sobre o mar cristalino.

Mas, tudo isso tem um custo, obviamente. Então, saiba que terá que pagar preços proporcionais aos serviços exclusivos nas hospedagens, alimentação e passeios. Eles, com certeza, serão muito mais caros. Aliás, na hora de escolher o seu bangalô fique atento as avaliações.

Já nas ilhas onde vive a população local, o custo baixo o principal atrativo. Esqueça a ideia dos resorts de luxo. Lá você vai encontrar apenas pousadinhas bem baratas, mas com uma vista sensacional.

E o glamour é limitado, mas você vai ter uma imersão na cultura local.

A cultural local das ilhas Maldivas

Só tem um detalhe que é muito importante de ser considerado aqui. Nesse país, a maioria das pessoas são muçulmanas, por isso, o ideal é você respeitar as regras locais em relação ao vestuário, consumo de álcool e carne de porco.

Agora, fique tranquilo porque nessas ilhas existem áreas reservadas para os turistas para poder usar biquíni e roupas de banho mais ocidentais.

Se isso for um problema para você, saiba que tem muito mais para fazer nas Maldivas. Um belo exemplo vem dos passeios de mergulho e snorkel. É uma ótima ideia para conhecer um pouco mais da vida marinha local.

Você pode optar por ficar hospedado numa ilha local e você pode fazer um passeio até os resorts para aproveitar toda a estrutura pagando bem menos do que uma diária. No geral, dá para fazer tudo a pé por lá.

Outra dica para quem vai viajar para as ilhas Maldivas é sobre o transporte. Ele exige um pouco mais de planejamento. Ao passo que você pode optar pelo transporte em barcos privados, que são mais caros, só que bem mais rápidos.

Ou também pelo transporte público em barcos, que são mais lentos, mas bem mais baratos.

Dá para viajar para as ilhas Maldivas ou é caro demais?

Antes da resposta para essa pergunta, saiba que o país também sofre com as chuvas asiáticas, mas elas costumam ser intensas e passageiras. Portanto, não se preocupe com frio porque o mais comum é que faça bastante calor por lá.

Se você achava que as Maldivas era um destino caro e super inacessível é melhor repensar. Embora existam alguns resorts com diárias a partir dos milhares de dólares, saiba que também há alternativas, especialmente, para quem quer viajar para as ilhas Maldivas e gastar pouco.

Desde 2008, o governo permitiu a criação de pousadas nas ilhas habitadas pela população local. Então, além da passagem aérea, saiba que você vai gastar de 50 a 100 dólares por dia de hospedagem nas pousadas mais simples.

Já os resorts cobram entre 500 a 1 mil dólares a diária e os valores podem ser ainda mais caros e muitos resorts incluem a alimentação – oferecendo café da manhã, almoço ou janta.

Já nas ilhas públicas, você pode esperar gastar em torno de 10 dólares nos restaurantes locais. O que prova que as Maldivas são ótima opções para você. Mesmo porque os crimes violentos são raros ainda mais contra turistas.

ANÚNCIO