Descubra os 7 principais pontos turísticos do México para conhecer

O México é um dos países mais históricos e incríveis do mundo todo. Em termos de cultura, ele tem o seu respeito também. Assim, fizemos um estudo para encontrar alguns dos principais pontos turísticos do México que você poderá conhecer quando for para lá.

De modo geral, eles foram construídos para homenagear pessoas ou fatos históricos do país. Alguns estão em ruínas, outros são arqueológicos, tem das civilizações e do período clássico. No entanto, o fato é que boa parte deles estão nas listas da Unesco, como patrimônios da humanidade.

Dessa forma, para quem vai viajar para o México, aqui está 7 lugares para visitar e pontos para conhecer nessa próxima viagem. Anote aí.

1 – Chichén Itza

Obviamente, você não vai visitar o México algum dia e deixar de lado o Chichén, né. Inclusive, o lugar é uma das maravilhas do mundo moderno e é considerado como um Patrimônio Histórico da Humanidade pela Unesco.

Para quem não sabe, essa já foi uma cidade pré-colombiana da civilização maia. Atualmente, é apenas um monumento mexicano dos mais visitados do país inteiro. Fica bem próximo de Cancún, em Yucatán. Logo, está perto das praias Caribenhas também.

ANÚNCIO

Foi em 2007 que se tornou uma das maravilhas do mundo. A partir daí o número de visitantes só aumentou. O que quer dizer que você vai ter que chegar bem cedo para conseguir visitar o lugar. Dessa forma, há vários monumentos históricos, como o Templo de Kukulcán e outros.

2 – Cobá

O próximo dos pontos turísticos do México que temos aqui é Cobá. Provavelmente, não é o mais conhecido de todos, mas é bem fácil de chegar lá nas ruínas do sítio arqueológico. Está bem próximo de Tulum também.

A lagoa de Cobá foi construída no ano de 900 e possuía até mesmo um observatório astronômico, além de um campo de bolas e uma pirâmide. Aliás, aqui vem uma notícia que pode te agradar…

É lá que está uma das poucas pirâmides maias instaladas no México que se pode andar sobre ela. Inclusive, você, que é turista.

3 – Teotihuacan

Esse sim está entre os lugares mais conhecidos do México. Inclusive, também tem a vantagem de ser fácil de ser acessado. Ele fica bem perto da Cidade do México e dá para ir até mesmo de ônibus. Aliás, o lugar é hoje um centro urbano ou melhor é um Patrimônio da Unesco.

Por lá tem pirâmides, como a do Sol e da Lua.

4 – Ruínas de Tulum

Essas ruínas também são pontos turísticos do México que são conhecidos no mundo inteiro. Inclusive, são considerados uns dos mais fascinantes. É uma mistura de ruína na beira do mar com as águas do Caribe.

Tulum, se você não sabe, é um sitio arqueológico de uma cidade maia. Por isso, quem for visitar as ruínas deve se hospedar em Cancun, Playa del Carmen ou em Tulum mesmo. Ah, e não esqueça de levar o protetor solar, viu.

5 – Palenque

No estado de Chiapas tem Palenque, que é um exemplo de arquitetura maia. O lugar é um verdadeiro centro de estudo para historiadores e curiosos. O sítio arqueológico tem ruínas de mais de 500 edifícios.

Uma história curiosa é que se acredita que a civilização maia de Palenque tinha como líder uma mulher, o que não era nada comum. Inclusive, em um dos templos foram encontrados anéis, colares, brincos e braceletes. Aliás, tinha até máscara e tiara.

6 – Monumentos

Outros pontos que merecem a sua visita são os monumentos, como o da Revolução. Na verdade, trata-se de um edifício, que é o maior arco do triunfo do mundo, tendo 67 metros. Aliás, ele fica na Praça da República, na Cidade do México.

Tem também o Monumento do Anjo da Independência, que fica na Avenida Paseo de la Reforma. No entanto, há mais opções: da Estela do México, na mesma avenida. O El Cabalito, que é uma estrutura enorme e muito moderna. O Cristóbal Colón é outro.

7 – Estátuas

Entre os principais pontos turísticos do México também podemos citar as estátuas. Uma delas é a de Perro Callejero, que é bem diferente porque retrata um cachorro de rua. Ela foi feita a pedido de ativistas e tem a ver com a conscientização pública.

Outra estátua famosa é a de Equestre de Carlos IV, que está em um cavalo e é uma peça central em uma fonte. Ela foi feita em homenagem à Carlos, que foi o último governante de toda a Espanha. Aliás, a escultura é de bronze e de autoria de Manuel Tolsá.

ANÚNCIO