Morro das Andorinhas em Niterói – saiba onde fica e como ir com crianças

Você já ouviu falar do Morro das Andorinhas? É um lugar que fica em Niterói, no Rio de Janeiro e acabou sendo um verdadeiro oásis para quem quer levar as crianças para fazer uma trilha. Como assim? A gente explica isso mais abaixo.

O importante aqui é considerar que estamos falando de uma forma de estar mais próximo da natureza e de praticar uma atividade física, tão recomendada pelos médicos. Agora, considere que para isso é preciso seguir algumas dicas, como ir acompanhadas de adultos, por exemplo.

Além do mais, também vamos trazer dicas sobre o que levar na mochila. Continue lendo e saiba tudo o que é preciso para fazer uma trilha com as crianças no Rio.

Onde fica o Morro das Andorinhas

Para responder uma das perguntas dessa matéria, a gente vai analisar a localização desse moro. Ele fica em Itaipu. Sendo que é um ponto importante por separar a praia de Itaipu com a de Itacoatiara. Ah, sim, estamos falando de Niterói, no Rio de Janeiro.

Bem, para se chegar até a trilha, saiba que o caminho é fácil. O endereço para jogar no Google Maps, no Waze ou outro aplicativo de rotas é o seguinte: Rua da Amizade, 800, Itaipu. É só digitar isso no seu app que a rota vai parar na porta de entrada para a trilha.

ANÚNCIO

Para quem é morador de Niterói, obviamente, isso é mais fácil ainda. Até mesmo porque basta dizer que a entrada da trilha do Morro das Andorinhas fica na rua que sobe a direita da Igreja São Sebastião de Itaipu. É uma igreja branquinha, perto da praia.

E quem vai de carro? Saiba que dá para estacionar na própria rua de entrada da trilha. E, geralmente, não se tem tanto tumulto ou congestionamento. Porém, quanto mais cedo o turista chegar, maiores as chances de encontrar uma vaga para estacionar.

E quem vai de ônibus? Nesse caso, o ideal é parar perto da praia de Itaipu, no ponto mais próximo da igreja. Aí, o resto do caminho será de 400 metros até a entrada da trilha. E, por fim, é possível ir de Uber ou de Táxi também (R$ 60 partindo de Copacabana).

Sobre a trilha do Morro das Andorinhas

Já sabemos como chegar até lá. Agora, vamos focar em falar da trilha. Basicamente, a gente pode dividir o caminho em duas partes. Uma tem 1 quilômetro de extensão e sobe 140 metros até o topo. Isso não vai durar mais do que 30 minutos de caminhada.

Já a segunda parte é um pouco mais extensa, de 1,5 quilômetros e leva até a ponta final do morro, perto da água. Nesse caso, o seu caminho vai demorar uns 45 minutos, na média.

Para você ter uma ideia do que estamos falando, vamos citar aqui algumas características da primeira parte da trilha, que torna possível ir com crianças também. Combinado? Até mesmo porque a outra parte é mais complexa e mais indicada para quem está fisicamente preparado.

A primeira parte da trilha

Esse começo da trilha do Morro das Andorinhas tem uma subida cimentada e com uma escadinha para facilitar a vida do turista ou do esportista. O mais legal é que tem casas nesse trecho, o que deixa o caminho mais diferente das trilhas gerais.

Nessa mesma parte, dá para notar que o caminho é íngreme, mas a subida é muito tranquila, sendo possível com crianças, sim. Obviamente, quanto maiores forem as crianças, melhor porque elas podem ir sozinhas. Se não, os pais devem carrega-las.

Depois do cimentado vem o caminho de terra, que vai seguir até o ponto de chegada. O mais legal é que as casinhas começaram a ficar para trás, dando lugar para a mata. Essa parte do trajeto não tem muita sinalização, porém, a demarcação é muito clara e sem dificuldades.

Já chegando no final dessa primeira parte, a gente vai ver que há 3 caminhos:

  • O da esquerda leva para a vista da praia de Itacoatiara,
  • O do meio leva para a vista total da praia, é o ponto mais famoso,
  • O da direita leva ao mirante e dá para ver as praias: Itaipu, Camboinhas, Piratining.

Então, a partir disso, cada pessoa escolhe o seu caminho. A gente vai parar por aqui, obviamente, porque estamos citando apenas a primeira parte da trilha.

Dá mesmo para levar as crianças?

De fato, a gente vê muitas famílias com crianças nessa trilha. Afinal, ela é curta e não tem muitos desafios. Portanto, acaba sendo considerada ideal para esse público. Mas, isso quando falamos de crianças maiores, obviamente.

Morro das Andorinhas

Se você tem um bebê, então, tudo vai depender da sua disposição antes de qualquer coisa. Porém, como vimos, não há um esforço físico tão fora do comum para quem está acostumado, ao menos, com atividades físicas.

Inclusive, há aqui de falarmos que durante a trilha dá para estar em contato com a natureza e, em certas ocasiões, até ver micos, que sempre fazem sucesso entre as crianças. Ah, e para fechar, saiba que todo trajeto é feito na sombra, o que evita com que as crianças tenham prejuízos maiores com a pele, por exemplo.

4 Trilhas Legais para Curtir a Natureza em São Paulo

Para fechar o texto, saiba que uma boa dica é ir de tênis de caminhada (mesmo considerando que tem gente que vai de chinelos), os repelentes para a pele e contra picadas de insetos, o protetor solar para proteção contra os raios solares e boné, água, comida, etc.

ANÚNCIO