Veja 5 dicas ao fazer uma viagem de cruzeiro no Brasil

Todo mundo que está pensando em fazer uma viagem de cruzeiro no Brasil tem que tomar alguns cuidados para não ter problemas nesse passeio. Afinal, a ideia de viajar de cruzeiro, em alto-mar, é algo incrível e que representa o sonho de muitos brasileiros.

Mas, esse conteúdo é para te fazer pensar melhor sobre essa escolha de viagem. E não que seja ruim ou que você tenha que desistir dela. Só que o fato é que é preciso ter alguns cuidados, inclusive, são cuidados que quase ninguém conta, viu.

Por mais, mais do que sermos chatos queremos ser legais com vocês. Se vai fazer uma viagem de cruzeiro no nosso país, você tem que saber algumas verdades, que nada mais são dos que cuidados para se ter durante os dias de passeio.

Os cuidados ao viajar de cruzeiro

A gente criou vários tópicos para compor este conteúdo. E preferimos enumerar para facilitar a sua leitura e a sua compressão. Até mesmo porque ao se lembrar deste conteúdo no futuro, você poderá anotar o tópico que mais chamou a sua atenção e que agora merece o seu cuidado. Então, sem demorar mais, vamos lá.

1 – O quarto

A nossa primeira dica para quem vai fazer uma viagem de cruzeiro no Brasil é atentar-se ao quarto. Obviamente, apesar de saber disso, você nunca parou para pensar de verdade que ele vai ser minúsculo, não é verdade?

ANÚNCIO

O quarto tem um nome melhor: mini quarto. E não vá pensando que por pagar a mais ou por ter um quarto diferenciado você vai ter muito mais espaço, viu. Geralmente, os valores a mais são para serviços extras, como na área da alimentação.

Fora isso, ainda é preciso saber que esses ambientes são pouco iluminados. E o pior de tudo é que algumas opções, que geralmente são mais baratas, não possuem a escotilha, que te permite ver a paisagem do lugar.

Aliás, para as mulheres tem um recado importante: poucas empresas permitem o uso de secadores e chapinhas. Portanto, cuidado ao montar a sua mala de viagens.

2 – O embarque

Também não é raro encontrar pessoas que tiveram grandes problemas com o embarque do navio. Isso vale especialmente para quem vai partir do Porto de Santos (SP), viu. Muita gente avalia esse momento como uma verdadeira “Via Sacra”.

A fila do check-in é grande e o deslocamento do aeroporto de São Paulo até lá pode ser bem cansativo, também.

Já para quem vai embarcar no Porto do Rio de Janeiro, aí pode ser que você tenha menos problemas com o tempo e a paciência. O porto é menos agitado e funciona de forma mais organizada também.

Leia Também – quer saber como comprar um pacote de viagem para viajar de cruzeiro no Litoral Paulista? A gente fez uma matéria explicando o passo a passo para isso e as opções que você tem disponível no mercado. Saiba mais.

3 – A comida

O próximo cuidado que merece destaque tem a ver com a comida. Há quem diga que qualidade e quantidade são termos bem negativos em um cruzeiro. Exceto em filmes, obviamente.

Com tanta gente a bordo, a refeição se torna padronizada e ideal apenas para “morrer de fome”, como as pessoas comentam na internet.

Agora, você também pode buscar uma alternativa, que é a de comer em restaurantes destinados à pouca gente. Só que aí você paga a conta a parte, sem que ela esteja inclusa no seu pacote de viagens.

4 – O banho

E mesmo que a gente não queira que você desista de fazer uma viagem de cruzeiro no Brasil, saiba que o banho também tem suas complicações. Isso porque ele é bem apertado, sendo que espaço tem pouco mais do que ½ m². E isso já complica muita gente.

Aliás, para quem não sabe, o brasil tem um mar aberto, o que faz com que os navios balancem bastante, mesmo com o estabilizador. Aí, o banho se complica ainda mais, né. Então, na hora do banho tente não estar com o estômago muito cheio.

5 – As atividades

Essa pode parecer uma boa notícia, mas cuidado. Em navios há muitos jogos para entreter os convidados e passageiros. Um dos principais deles é o cassino. Só que, como você sabe, o cassino pode te viciar e mais do que isso te fazer perder um bom dinheiro.

Fora eles, temos ainda piscinas (que estão sempre lotadas de pessoas), aulas de dança e musculação, lojas (para você gastar o seu dinheiro com lembrancinhas) e até mesmo salão de beleza.

Leia Também:

Bônus – quando o navio não consegue atracar

Para finalizar o conteúdo, trouxemos aqui uma situação que não é muito comum, mas pode acontecer com você. O navio pode não conseguir atracar. Daí, a saída é sair de lancha, viu. Só que nessas lanchas cabem poucas pessoas.

E aí, adivinhe só: tire a sua senha e espere a sua vez.

Assim sendo, o que a gente quer dizer neste conteúdo é que sempre que você for fazer uma viagem de cruzeiro no Brasil você tem que considerar também os pontos negativos, por mais que a viagem valha a pena.

Até mesmo porque estar preparado é melhor do que ser pego de surpresa. E se você é uma pessoa muito agitada ou que tenha problemas com lugares fechados (claustrofóbicas), o melhor é buscar mais informações sobre esse tipo de passeio.

Nada indica que você terá uma viagem negativa se tomar essas precauções e ter os cuidados que foram citados aqui. O que não queremos é que você troque gato por lebre, comprando uma passagem e achando que vai ter outra coisa.

ANÚNCIO