Conheça 6 dicas para viajar para a Europa sem gastar muito

Pegar um avião saindo do Brasil e chegar em países europeus era um sonho muito distante da realidade de muitos brasileiros. Hoje, não é mais! E o mais incrível de tudo é que dá para viajar para a Europa sem gastar muito. Se você não sabe como fazer isso, continue lendo.

E leve em conta que a Europa está entre os destinos mais buscados dos brasileiros. Por lá temos países como França, Itália, Espanha, Portugal e muitos outros. Agora, se você é daqueles que não quer gastar um absurdo e fazer dívidas, considere que tem alternativas econômicas.

couple planning honeymoon

A sua viagem pode sair bem mais barata do que você pensa. O planejamento é o primeiro passo para isso dar certo. Mas, após esse plano, saiba que você tem que pensar em detalhes, como na época da viagem, no destino, na companhia aérea e muito mais.

1 – TEMPORADA

Uma das primeiras coisas que você pode e deve fazer é considerar a temporada. Em uma viagem para a Europa, como acontece em todo lugar do mundo, a alta temporada vai lhe custar mais caro.

O grande detalhe aqui é que a alta temporada de lá é diferente da alta temporada daqui. E por isso esse estudo é tão importante. De um modo geral, o que a gente pode te dizer é que viagens para a Europa que acontecem em março são mais baratas.

ANÚNCIO

Mas, há uma exceção, que é em Paris. Nessa cidade, os voos mais baratos são em janeiro.

A Skyscanner, que é uma plataforma que dá dicas de viagens e faz pesquisas online, mostrou isso. Conforme as informações citadas, um voo para Milão pode custar R$ 2,7 mil em março ou R$ 3,7 mil em julho, por exemplo. Confira outras cidades e outros exemplos.

2 – DESTINO

A segunda informação que trouxemos aqui tem a ver com o seu destino escolhido. Afinal de contas, existe uma grande variável de opções para quem vai viajar para a Europa, não é mesmo?

Considere, assim sendo, encontrar os destinos europeus que são mais baratos. Por exemplo, aqueles que estão fora da zona do Euro ou da Libra. Esse já seria um ótimo começo para quem quer economizar na viagem.

Outras dicas têm a ver com aqueles destinos que são menos concorridos ou que estão longe dos grandes centros e das capitais europeias. E a gente também pode dizer que planejar a viagem e comprar passagens antecipadamente ajuda nessa economia financeira.

CURIOSIDADE – Saiba quais são os 7 menores países da Europa

3 – COMPANHIA AÉREA

A próxima das dicas para quem quer viajar para a Europa sem gastar muito tem a ver com a companhia aérea. De modo geral, você já deve ter ouvido falar daquelas companhias Low Cost, não é mesmo? Elas são mais simples e mais baratas, chamadas de baixo custo.

Assim sendo, dá para encontrar promoções de passagens aéreas para a Europa por preços incríveis nessas companhias.

E além disso, considere que cada companhia tem a sua regra. Portanto, conheça-as para evitar gastos a mais durante o voo. Há de se pensar nos tipos de bagagens, a reserva da poltrona, os destinos escolhidos, etc.

4 – HOSPEDAGEM

A hospedagem também conta muito no seu orçamento para a viagem, né. Então, quando a gente fala em viagens para a Europa, qual é a melhor dica nesse sentido? Optar por um hostel, que é um lugar bem mais econômico e descolado.

As diárias são, quase sempre, em quartos compartilhados. E elas ficam em torno dos R$ 50 por noite em vários lugares da cidade.

Também dá para citar os famosos CouchSurfing, que é uma espécie de rede social europeia que permite entrar em contato com hospedes locais. Tem sido uma opção muito interessante para quem viaja sozinho.

5 – TRANSPORTE

Mais uma das coisas que quem vai viajar para a Europa sem gastar muito tem que saber é sobre o transporte. Nesses países, o transporte coletivo e urbano é bem diferente do que estamos acostumados a ver aqui no Brasil.

Assim sendo, dá para usar o transporte público de forma muito benéfica e barata. Em Londres e Paris, por exemplo, tudo é muito organizado, com ônibus e metrôs. O conselho é verificar se a sua cidade destino tem bilhetes disponíveis.

Ainda sobre o transporte podemos citar o fato de que na Europa o passeio de bicicleta é bem comum. Inclusive, por lá estão as melhores cidades para se andar de bike do mundo todo, viu. Então, dá até para alugar bicicletas, como em Dublin e Amsterdam.

6 – PASSEIOS

Outra dica para quem está na Europa e não quer gastar muito tem a ver com os passeios. Saiba que os pontos turísticos realmente são mais caros. Então, em Paris temos a Torre Eiffel, por exemplo. Mas, uma boa ideia é optar por passeios alternativos e gratuitos.

Saiba que toda cidade turística da Europa tem passeios gratuitos. Por isso, comece a estudar mais sobre essas possibilidades.

Além do mais, uma boa ideia é usar o Tax Free para as compras. O que é isso? É a Isenção do Imposto sobre o Valor Agregado. O turista pode comprar e depois pedir o reembolso do imposto de tudo o que foi comprado na Europa. O processo não é simples, mas vale a pena.

E para fechar essa ideia de área turística, saiba que até mesmo a sua hospedagem pode ser mais barata se você estiver mais distante dos centros comerciais. O mesmo vale para a hora que você for se alimentar, por exemplo.

ANÚNCIO