Veja 35 termos comuns no esqui na neve

Na última matéria que fizemos aqui no blog, a gente comentou sobre 35 termos comuns no esqui na neve. E que, portanto, devem ser considerados por quem vai fazer uma viagem para esquiar na neve – independente da região, da cidade, do país.

Se você leu o conteúdo (se ainda não leu, leia agora), viu que lá deixamos indicados apenas 20 desses termos. Agora, esse texto é uma continuação para listar os próximos 15 termos. A ideia sugerida foi a de listar na ordem alfabética.

Sendo assim, como lá no texto a última palavra, a 20ª palavra, foi Snowboard Boots, agora vamos prosseguir a partir dela. E para que você não confunda, vamos continuar a listagem a partir do número 21 – até chegarmos no 35, obviamente.

21 – Snowplow

Essa expressão é usada para indicar a posição dos esquis. Logo, snowplow é quando eles estão como fatias de pizzas – ou seja, com as bordas internas inclinadas na neve. Geralmente, essa posição acontece para frear o movimento. Logo, é também o primeiro movimento que se aprende nesse esporte.

22 – Trail ratings

São símbolos coloridos que indicam a dificuldade da pista. Isso realmente é importante de ser conhecido por quem vai praticar o esqui ou o snowboard. E o mais interessante é aprender sobre as cores, que se alteram entre os países.

ANÚNCIO

Nos Estados Unidos, temos: verdes para iniciantes, azuis para intermediários e pretos para os mais experientes. Enquanto que na Europa, os principiantes devem optar pelos azuis, os vermelhos são para iniciantes e para os avançados se mantém o preto.

23 – Lean

Agora, essa palavra tem a ver com a postura do corpo. Lean é quando ele está inclinado.

24 – Lift

É outro dos termos comuns no esqui na neve que são bem comuns mesmo. Portanto, é sua obrigação conhecer o significado. Lift é qualquer meio mecânico de ascensão a montanha. Como assim? Pode ser uma gondola ou chairlifts usados para levar os praticantes até o alto da montanha – já que descer é mais fácil, né.

25 – Lipstick

Simples e objetivo: é o protetor labial indicado para os praticantes. Aqui no Brasil a gente conhece como manteiga de cacau.

26 – Nordic ski

Ou cross country. Nada mais é do que o esqui em superfícies planas ou levemente inclinadas. Isso quer dizer, na prática, algo importante: vai exigir muita força das pernas do praticante.

27 – Off piste

Também é sugestivo. Logo, quer dizer que a pista está virgem. Ou seja, isso pode dizer também que podem haver obstáculos como pedras encobertas pela neve ou até mesmo ribanceiras com árvores.

Atenção: o seguro viagem não cobre quando há acidentes em off piste, ok?

28 – Poles

Essa também é fácil: são os bastões de esqui. Logo, usados para dar impulso em áreas planas ou para auxiliar durante uma descida.

29 – Powder snow

É quando a neve está fresca, fofa, seca, leve. Mas, o que isso quer dizer, na prática? Que o dia está perfeito para um esquiador iniciante. Porque isso quer dizer que além da neve, há um céu azul e pouca gente disputando os espaços da montanha.

30 – Puf jacket

Na tradução mais simples: são as jaquetas de náilon. Assim, devem ser quentes e pode até ser forradas com plumas. Inclusive, também existem aquelas que são impermeáveis.

31 – Ski boots

Agora sim falamos das botas de esqui. Elas são para mobilizar os pés e o tornozelo como gesso, evitando acidentes. No entanto, traz desconforto e até mesmo dificuldade para locomoção. São quentes por dentro e revista de plástico duro por fora. Tem presilhas.

32 – Skiing in parallel

O nome é complicado, mas é fácil entender: é uma técnica sempre indicada para o praticante inicial e inexperiente. Ela nada mais é do que sair da posição snowplow e fazer curvas ou freadas em paralelo. Para isso, inclina-se e pressiona as bordas laterais do esqui.

33 – Ski in ou ski out

Tem a ver com a sua hospedagem? Como assim? É mais um dos termos comuns no esqui na neve, mas indiretamente. Logo, indica os hotéis que possuem acessos diretos às pistas de esqui. E isso é uma baita comodidade para os clientes.

34 – Ski jacket

Essas são jaquetas de neve, que devem ser impermeáveis, evaporam o suor e sempre contém muitos bolsos.

35 – Ski pass

E para fechar a nossa lista, agora temos o ski pass, que é um ingresso para praticar esqui em uma montanha. Geralmente, isso se dá através de um cartão de acesso aos teleféricos e que chega até a montanha, com a área esquiável.

Bônus – os destinos para quem gosta de neve

termos comuns no esqui na neve

Bem, você já conhece 35 dos termos comuns no esqui na neve, então, saiba que recentemente, também tivemos um conteúdo interessante que cita alguns destinos para quem ama a neve. Porque as vezes a gente que precisa ir para a Europa para esquiar, né. Mas, nem sempre. O Chile, por exemplo, é ótimo para isso.

Temos ainda a Argentina, os Estados Unidos e até mesmo o Canadá. Agora, um país que fica mais longe, mas pouco se fala dele, para o esqui, é a Noruega. Especialmente em Oslo, de onde dá para ver uma aurora boreal das mais impressionantes.

Leia o conteúdo completo que fizemos e fala sobre isso.

ANÚNCIO