IPCA+ 2035 – saiba se é uma boa opção para fazer a viagem dos sonhos

Tem muita gente que passou a vida toda ensaiando uma viagem para a praia e nunca conseguiu realizar. Para o campo, também não. Então, vem a ideia: criar um investimento para o longo prazo, para viajar na aposentadoria, será que dá certo? Vamos falar do IPCA+ 2035.

Uma das vantagens desse título do Tesouro Direto, como vamos explicar melhor nas próximas linhas, é que dá para fazer aportes mensais com valores baixos. E isso sem que você tenha a perda da valorização do dinheiro porque ele segue a inflação do país.

Isso porque o IPCA é o Índice de Preços ao Consumidor Amplo e responsável por medir a inflação do país. Logo, esse ativo paga de rentabilidade um valor fixo e mais o IPCA, mantendo o ativo sempre acima da inflação.

Nas próximas linhas vamos entender mais desse ativo e vamos estudar para saber se ele pode ser uma boa ideia para quem quer fazer a viagem dos sonhos daqui há alguns anos. Bora lá?

O Tesouro IPCA+ 2035

Na tradução mais simples possível, saiba que o Tesouro IPCA é um ativo do Tesouro Direto, ou seja, é um título público que tem a garantia do governo federal. Por isso, é considerado um dos investimentos mais seguros do país.

ANÚNCIO

Ele permite que o investidor empreste dinheiro ao governo, que vai aplicar tais recursos em áreas como a de infraestrutura, de saúde, de segurança, etc. Na troca, o governo paga o que foi investido e mais uma taxa de juros prefixada, além do IPCA.

Em resumo, a gente vê que esse ativo é ótimo para quem quer proteger o capital no passar dos anos. Se houverem crises, então, o dinheiro estará mais do que protegido lá.

O que pouca gente sabe é que o Tesouro IPCA+ 2035, assim como outros ativos do IPCA disponíveis no Tesouro, podem oscilar para mais ou para menos. Como assim? Geralmente, quem vende antes do prazo de vencimento perde rentabilidade, por exemplo.

O ideal é manter o prazo final

Se você está pensando em fazer aquela viagem dos sonhos realmente em 2035 ou após disso e tem condições de manter esse ativo até esse ano, ótimo. Em caso contrário, saiba que você poderá ter perdas. Assim, a gente responde a pergunta sobre ser um bom investimento.

Vamos trazer aqui uma ideia geral para você entender. Vamos supor que você vá se aposentar em 2035 e que tenha uma reserva de emergência formada para eventuais imprevistos. Nesse caso, parece não haver dúvidas de que esse é um bom ativo para quem quer viajar.

Por outro lado, se você ainda não tem uma reserva, saiba que se tiver imprevistos poderá sofrer muito com a retirada desse dinheiro aplicado – porque você poderá perder rendimentos. Logo, se você manter até o prazo final não terá perdas.

A comparação com outros ativos

Agora, uma próxima análise que a gente tem que fazer é sobre a comparação com outros ativos do Tesouro. Isso porque a mudança de anos pode trazer melhores rendimentos. Além do mais, há ainda a opção de receber juros semestrais, o que possibilita um reinvestimento.

Para você entender do que estamos falando, vamos lá. O Tesouro IPCA 2026, o Tesouro IPCA 2035 e o Tesouro IPCA 2045 são comuns. Já o Tesouro 2030, o Tesouro 2040 e o Tesouro 2055 possuem os cupons semestrais. Mas, tem outras mudanças também. Vamos lá:

  • Tesouro IPCA 2026 – IPCA + 2,10%
  • IPCA 2035 – IPCA + 3,42%
  • Tesouro IPCA 2045 – IPCA + 3,42%
  • IPCA 2030 com juros – IPCA + 2,75%
  • Tesouro IPCA 2040 com juros – IPCA + 3,48%
  • IPCA 2055 com juros – IPCA + 3,69%

Sendo assim, fica bastante visível que os títulos mais longos pagam taxas melhores. De modo que todos seguem a variação do IPCA, garantindo que ativo não tenha perda de valorização frente à inflação do país.

O Tesouro Selic

E antes de terminar, ainda que esse conteúdo tenha sido para falar sobre o Tesouro IPCA+ 2035, considere que há a opção do Tesouro Selic, que é muito usado para viagens. Isso porque ele segue outro índice, o da taxa Selic.

Sendo assim, ele garante que o investidor tenha uma liquidez maior. Por exemplo, se você não reserva de emergência, ele pode ser usado para isso porque permite que você faça resgates sem que tenha perdas de rendimentos.

Assim, acaba sendo uma ótima ideia para quem quer juntar dinheiro para a viagem, mas ainda não tem certeza de quando vai resgatar os recursos. O Tesouro Selic, atualmente, tem rendimento de 0,0344% e mais a taxa Selic.

Tire as 6 principais dúvidas sobre os investimentos do banco Next

Logo, note que esse valor é menor do que o Tesouro IPCA, ainda que tenha a vantagem da liquidez. Ah, e tem outro detalhe também, que é sobre os valores de investimentos iniciais. De modo geral, os títulos do Tesouro partem de R$ 36,59 (Tesouro Prefixado 2023) e vai até o máximo de R$ 106,60 (Tesouro Selic).

Outras informações

A última informação aqui do conteúdo é para dizer que todas as informações aqui citadas estão destacadas também no site do Tesouro Direto. Inclusive, o interessado poderá fazer simulações gratuitas online por lá – assim como em sites de bancos e corretoras.

IPCA+ 2035

Ah, por fim, saiba que há uma nova regra que tem beneficiado os investidores do Tesouro: quem tem aplicações abaixo dos R$ 10 mil não vai ter a cobrança da taxa de custódia, que é feita pela B3, a Bolsa de Valores do Brasil, o que é um grande incentivo para novos investidores.

ANÚNCIO