Você não precisa ser um trader para investir dinheiro para as próximas viagens

Há uma confusão muito grande entre os brasileiros no que diz respeito a ser um trader e um investidor mais tradicional. Você sabe quais são? A gente vai trazer tais informações para você entender melhor como dá para investir dinheiro para as próximas viagens sem complicações.

Inclusive, esse conteúdo vai ser bem interessante para todo mundo que quer viajar mais nos próximos anos e também para quem tem sonhos a serem realizados no curto e médio prazo. Porque nem todo mundo sabe, mas dá para investir dinheiro para esses prazos também.

Para fechar essa introdução, a gente precisa trazer aqui uma última informação importante para você. Saiba que quando se fala em investimentos financeiros, a gente precisa considerar que cada pessoa tem um perfil de risco. E isso precisa ser analisado antes de tudo.

Se você tem dúvidas sobre isso, considere que ao abrir a conta na sua corretora de valores ou no seu banco, você passará por esse processo, que se tornou imprescindível para todo novo investidor. Então, fique atento a isso.

Quem é o investidor e quem é o trader

Nesse primeiro tópico vamos explicar de forma simples quem é o investidor mais tradicional e quem é o trader. Lembrando que para quem nunca investiu antes, a ideia de trader é bastante distante, já que o ideal é começar por ser um investidor, que é algo mais seguro.

ANÚNCIO

O investidor é aquele que compra um ativo financeiro pensando na rentabilização dele. Em um exemplo hipotético, a pessoa investe dinheiro mensalmente e no final do prazo vai receber além do que foi investido: acrescido aos juros.

É como um empréstimo ao contrário. Na verdade, é um empréstimo, só que o investidor é quem empresta e, por isso, ganha juros. No caso do trader, a ideia é a mesma, porém, ele é um profissional que é muito mais focado em ganhar juros rapidamente, no mesmo dia.

Para quem não sabe, trader vem de day-trade, que nada mais é do que negociações que acontecem no mesmo dia. Sendo assim, os traders são muito focados em retornos financeiros rápidos, o que quer dizer que correm bem mais riscos de perdas, também.

 As principais diferenças

Se você quer investir dinheiro para as próximas viagens, o ideal é que você seja um investidor e não, necessariamente, um trader. Para isso, vamos apresentar aqui algumas diferenças entre ambos os profissionais.

O trader foca em ganhos no curto período. Enquanto isso, o investidor é mais focado em ganhos seguros dentro de um prazo combinado. Logo, o trader assume riscos bem maiores. Por outro lado, o investidor tem pouca exposição a riscos.

O trader faz várias negociações no mesmo dia porque quer ganhos rápidos. O investidor mantém ativos por prazos definidos e consegue esperar esse tempo para ter a sua rentabilidade combinada no ato da compra dos ativos.

Por fim, saiba também que um trader vai precisar ter um bom valor para começar a investir, além de ser especialista em ler notícias, gráficos e análises. Já o investidor que quer viajar poderá começar com pouco e só precisa ter conhecimento fundamentalista.

Eu quero viajar, posso ser trader?

Nesse conteúdo, a ideia foi a de trazer as diferenças entre o trader e o investidor financeiro. Mas, é importante que fique claro que você pode ser ambos. Afinal, não há requisitos obrigatórios para um ou para outro. O que há são indicações e recomendações.

Como já recomendamos em boa parte do conteúdo, o trader precisa ser um profissional que conhece bastante do mercado financeiro e que tenha consciência dos riscos. Ainda assim, poderá ganhar dinheiro mais rapidamente.

Enquanto isso, um investidor mais tradicional deve considerar que não precisará se dedicar o tempo todo aos investimentos. Além disso, dá para começar com pouco, de forma fácil e segura. Por isso, saiba que você pode ser ambos, só precisa estar preparado para eles.

Ah, e tem uma última coisa: quando a gente fala em realizar viagens, considere que estamos pensando em um planejamento focado nisso, que pode ser para o próximo ano, para daqui 3 anos, para o futuro, de forma geral. Por isso, a segurança dos ativos é interessante.

Os investimentos para as viagens

Agora pode ser que você tenha ficado interessado em saber quais são os melhores investimentos financeiros que existem para quem quer viajar, correto? Se esse é o seu caso, considere que há vários deles, sendo que cada um pode ser bom para um tipo de viajante.

investir dinheiro para as próximas viagens

Por exemplo, a gente tem o Tesouro Direto, que é considerado o investimento mais seguro do país. Também temos os CDBs com liquidez, além das Letras de Crédito, que possuem a vantagem de serem isentas de imposto de renda.

Sendo assim, saiba que nós já fizemos um conteúdo explicando quais podem ser as 6 melhores opções de investimentos de baixo e médio risco para quem quer investir dinheiro pensando em viagens para o futuro.

Além desses ativos que já citamos acima, que podem ser opções para quem quer investir dinheiro para as próximas viagens, a gente ainda explica sobre a CRI, a CRA, as debêntures e até mesmo a Letra de Câmbio. Ficou curioso? Leia na íntegra e saiba tudo sobre os ativos da renda fixa.

ANÚNCIO