Viagem dentro do Brasil – saiba quando vale a pena ir de carro

Fazer uma viagem dentro do Brasil é uma opção de escolha de muita gente. Tanto para quem vai fazer a primeira viagem da vida, para quem vai conhecer a praia pela primeira vez ou até mesmo para quem quer conhecer culturas diferentes no mesmo país.

Afinal de contas, o Brasil é um país imenso, que se divide em estados e dentro de cada região tem cidades com costumes e hábitos muito únicos. Mas, quando essa viagem vai acontecer muita gente tem dúvidas sobre o meio de transporte que deve ser usado: carro ou avião.

Para saber a resposta para essa pergunta, a gente tem que analisar vários fatores e estudar as melhores possibilidades. Só depois a gente pode tomar uma decisão bastante assertiva. Sem contar que isso tem a ver com o conforto e o orçamento financeiro também.

O DESTINO

A primeira coisa a se pensar nesse caso é sobre o destino escolhido. Isso porque o simples fato de pensar em uma viagem dentro do Brasil não resolve. Como falamos, o Brasil é muito grande e para ter melhores respostas você tem que ser mais exato, mais objetivo, mais especifico.

ANÚNCIO

Alguém que está em Santa Catarina e quer ir para a Bahia vai ter uma viagem mais longa do que se fosse para algum outro país que fica ali em baixo, na América do Sul, por exemplo. Ao mesmo tempo, quem está em São Paulo está bem perto de Goiás.

Mas, esses são só exemplos para mostrar que pensar e saber qual é o destino de viagem é um ponto importantíssimo que tem que ser considerado. Aliás, você até pode fazer o inverso: pensar no seu destino depois que decidir ir de carro ou de avião. Isso também dá certo.

O VALOR

Um segundo ponto que é bem importante de ser analisado também tem a ver com o valor de ambos os transportes. Uma passagem de avião tem um preço X enquanto que viajar de carro tem outro custo.

Só para exemplificar, vamos supor que você vá de avião para o seu destino. Nesse caso, você tem o custo para ir até o aeroporto e depois para a sua hospedagem, né. Sem contar no preço da passagem aérea.

Mas, se for de carro, você tem o custo da revisão, dos pedágios e combustível, por exemplo. Aí, o único jeito de saber a resposta é fazendo as contas estimadas para saber quanto vai gastar em cada uma das opções.

Uma boa dica pode ser dividir os custos com outras pessoas, se vocês forem no mesmo carro. Isso, quase sempre, costuma baratear demais os custos de uma viagem.

A DATA

O próximo requisito para saber qual transporte compensa mais para você é considerar a data do embarque ou da viagem, né. Isso também pode fazer uma diferença bem grande na sua escolha até mesmo porque tem motivos para isso.

Por exemplo, em datas comemorativas e especiais o preço das passagens aéreas em todas as companhias aéreas sobe muito. E podem ter aumento de 100% ou mais. E se muda o preço da passagem, pode mudar também a sua escolha, né.

Ao mesmo tempo, nessa época do ano as rodovias também ficam mais cheias e movimentadas. O que pode dizer que quem vai de carro, mesmo que economize dinheiro, pode ter problemas com engarrafamento e falta de comodidade, por exemplo.

A HORA

Como nós falamos da data, agora vamos falar da hora também. Porque se você não sabe, a hora da sua viagem também pode alterar o custo que você terá com o transporte, obviamente.

Se a gente comentou que você pode pegar engarrafamentos, saiba que se viajar a noite, por exemplo, corre menos risco de que isso aconteça. Ao mesmo tempo, viajar pela manhã tende a ser mais barato do que a tarde em companhias aéreas, por exemplo.

Mas, tudo é relativo e só pesquisando na hora para saber. Existem companhias aéreas, inclusive, que fazem promoções para determinadas horas do dia, que são bem menos concorridas e os preços podem ficar bem mais baixos.

A PROMOÇÃO

E já que falamos dos preços com desconto, saiba que dá para ficar de olho na promoção também. Como falamos, quase todas as companhias aéreas fazem promoções de passagens em várias épocas do ano e conforme a disponibilizada de vagas livres nos voos.

Uma boa ideia é entrar nos sites das companhias e se cadastrar para receber as novidades por e-mail. Também dá para usar aplicativos e fazer buscas online com base no seu destino ou data de viagem.

Além do mais, tem a questão dos pontos e das milhas. Muitos cartões de crédito fazem o programa de pontos voltado para os descontos em passagens. E aí você tem que seguir as regras do seu cartão para saber. Mas, pode gerar bons descontos sim.

O CARRO

Para terminar, para saber se vale a pena fazer uma viagem dentro do Brasil de carro, você deve considerar, também, a situação do seu veículo. Se ele estiver muito velho, sem revisão e com problemas mecânicos, é bem provável que a viagem seja arriscada demais, né.

Agora, se você é alguém que trabalha viajando em cidades próximas e sempre faz a manutenção e revisão dele, pode ser que tenha pouco gasto com esse tipo de transporte. Ainda mais se o seu veículo é econômico e faz uma boa quilometragem na pista.

Portanto, após analisar todos esses itens talvez fique bem mais claro para você se vale a pena viajar de carro ou de avião, mesmo que seja uma viagem interna, para dentro do nosso país.

ANÚNCIO