Conheça 4 critérios de compra de uma mala que devem ser analisados

28

O que você costuma analisar quando vai comprar uma mala de viagem? Se você pense somente no custo dela, saiba que pode ter uma dor de cabeça daquelas depois da compra. Por isso, separamos aqui alguns critérios de compra de uma mala de viagem.

Essas dicas podem te ajudar, e muito, na hora de escolher a sua próxima mala de viagem. E saiba que estamos falando tanto das grandes, usadas para despachos, como as menores, consideradas de bordo.

As dicas abaixo fazem todo o sentido, afinal, hoje em dia, uma boa mala não vai custar menos do que R$ 500. E se isso acontecer, aí cabe a você estudar ainda mais sobre o produto para saber se ele tem uma boa qualidade ou se vai te trazer dores de cabeça.

Se você tem dúvidas sobre como estudar isso, os pontos abaixo, sem dúvidas, vão te ajudar muito. Por isso, a leitura é tão importante para quem vai comprar uma mala nova.

PROPAGANDA

1 – A DURABILIDADE da mala de viagem

A durabilidade de uma mala de viagem é o quanto ela pode durar, obviamente. E isso tem a ver com a resistência dela também. Isso é importante de ser analisado porque uma mala mais barata pode durar menos e o que abaixa o custo-benefício dela.

Então, temos a durabilidade como um dos critérios de compra de uma mala de viagem. O fato é que nem toda mala barata será ruim, ok? Mas, é preciso analisar a resistência e a durabilidade dela antes de efetuar a compra, independente do preço.

E isso também tem influência no quanto a pessoa viaja durante o ano. Tem que viaja toda semana, assim como quem faz viagens apenas 1 ou 2 vezes no ano. Logicamente, para quem viaja menos, a mala não precisa ser a mais durável de todas, né.

O que é preciso considerar é que uma boa ideia é investir em um produto de qualidade se você quiser que ele seja durável. Afinal, ela pode durar, em alguns casos, mais de décadas, o que vai representar um dos melhores custos benefícios para você.

2 – A SEGURANÇA da mala de viagem

A segurança da mala de viagem é diferente da durabilidade dela, ok? Aqui, a gente está falando sobre a segurança de ser arrombada mesmo, sabe? Só de olhar você sabe qual mala é mais fácil de sofrer com isso. Portanto, é um ponto a ser pensado.

Mesmo porque a partir do momento em que a sua mala foi despachada no aeroporto, você perde todo controle sobre ela. Aí, o que a gente mais quer é que ela chegue no destino final com todos os pertences, certo? Por isso, pensar na segurança!

Saiba o que fazer no caso de mala extraviada em viagem de avião

O que queremos dizer é que tem malas de viagens que hoje em dia são vendidas mais porque tem diferenciais de segurança. Um cadeado integrado, por exemplo, é um bom começo. Tem ainda a ideia dos lacres adicionais.

Ah, e sobre cadeados tem vários tipos: embutidos, integrados, numéricos, extras, com combinações, etc. Além disso, saiba se a mala que você vai comprar tem o sistema de segurança TSA, que é o Transport Security Administration.

3 – AS MEDIDAS da mala de viagem

O nosso terceiro, dos critérios de compra de uma mala, tem a ver com as medidas dela. E com certeza você já pensou nisso, né? Afinal de contas, no mercado existe uma grande possibilidade de tamanhos e pesos.

O que mais importante aqui é que as medidas estejam dentro do padrão da Anac, Agência Nacional da Aviação Civil e de outras companhias aéreas de outros países também. Isso porque a mesma mala pode ser para viagens nacionais ou ao exterior, não acha?

O que se deve pensar é que uma mala grande pode ser usada por vários membros da família em viagens mais curtas. Assim como pode ser usada para uma viagem longa também. O que é bem diferente de uma mala pequena, que pode ser considerada uma bagagem de bordo.

A dica que a gente deixa aqui é a seguinte: se for comprar uma mala pela internet, tente observar o que está na descrição e características do produto. E não fique de olho apenas na imagem, porque elas podem ser apenas e meramente ilustrativas.

O ideal é que você leia tudo sobre ela e faça medições da forma física para ter uma ideia melhor. Inclusive, quanto ao peso, que foi pouco citado aqui, a ideia é que esteja dentro dos limites de viagens da Anac.

4 – OS COMPARTIMENTOS da mala de viagem

Os compartilhamentos de uma mala de viagem, obviamente, é a parte interna dela. E também está entre os critérios de compra de uma mala porque é importante. Assim sendo, todo mundo tem o seu próprio jeito de arrumar a mala, né.

Aí que tem malas que tem muitos compartimentos e outras que tem menos. Tem aquelas que tem diferenciais como extensores, alças, divisórias, bolsos e por aí vai. Tudo isso faz sentido na hora de que você vai montar a sua mala. Portanto, comece a pensar nisso desde já.

Conheça as 5 melhores malas de viagem para comprar neste ano

Outra dica para quem vai comprar pela internet é buscar ver imagens de dentro da mala, seja com ela vazia e também preenchida. Para quem gosta de organização, esse acaba sendo, até mesmo, um dos pontos mais importantes na hora de comprar uma mala de viagem.

PROPAGANDA