Saiba se o método 50-30-20 funciona para você

Quando se pretende organizar as finanças pessoais, a forma mais comum de como fazer isso é usando algumas técnicas, dicas ou métodos. O mesmo vale para juntar dinheiro para uma viagem. Nesse artigo, vamos ver se o método 50-30-20 funciona para você.

Afinal, ele é um dos mais conhecidos e mais usados no nosso país. Até mesmo porque nessa busca pela melhor organização financeira, a gente considera fazer um levantamento dos gastos e, depois, identificar qual é o melhor plano para fazer as coisas acontecerem, de fato.

Aliás, conseguir economizar dinheiro mensalmente nem sempre é fácil como na teoria. Porém, sempre dá para conseguir alcançar essa meta. E, pensando nessas pessoas que possuem mais dificuldade, saiba que temos uma análise sobre a estratégia do 50-30-20.

O quê? Você ainda não conhece esse método? Então, está na hora de ser apresentado a ele.

Entenda o método 50-30-20

Esses 3 conjuntos de dígitos separados por traços parecem ser bem estranho para quem não conhece. Só que é muito fácil entendê-los. Obviamente, a soma dá 100 e isso é um bom começo para entender o funcionamento do método.

ANÚNCIO

Logo, eles representam as grandezas em porcentagem do quanto você deve separar da sua renda mensal. Assim, se você seguir à risca o quanto pode gastar em cada um deles, saiba que existe uma grande chance de ter sucesso na busca pelas metas pessoais.

A maior parte dessa parcela, ou seja, 50% precisa ser separada para que consiga manter suas contas fixas a aquelas ditas como essenciais. O que entra aqui? Contas domésticas. Mas, vamos falar disso mais abaixo.

O outro valor, o de 30%, deverá ser destinado para os gastos particulares e variáveis. Assim, é aqui que você tem que pensar em como tudo depende de como é sua vida e onde está gastando seu dinheiro. Já os últimos 20% são para honrar as suas prioridades financeiras.

As formas de organizar esses valores

Vamos explicar agora, mais detalhadamente, como são feitas essas divisões no seu salário e onde normalmente se usam. Afinal, isso vai ser importante para saber se método 50-30-20 funciona na sua vida ou se não funcionará.

1 – Gastos fixos e essenciais

A parcela de 50% do seu capital deverá ser destinada para esse objetivo dos gastos essenciais. Essas despesas são aquelas fundamentais para que consiga ter uma rotina saudável. Dessa forma, é o valor gasto com água, força elétrica, internet, alimentação e outras mais.

Alguns dos citados acabam sendo essenciais para todas as pessoas, mas tem alguns casos que são exclusivos. Logo, cada um saberá identificar os seus melhores e mais necessários gastos, segundo a sua própria realidade.

Por exemplo, você tem uma casa própria, então, não será preciso gastar com aluguel. Por outro lado, pode ter que pagar o financiamento – caso o tenha. Uma pessoa que tenha que comprar remédio controlado também tem um gasto fixo.

2 – Gastos variáveis

Nesta categoria estão as despesas que são exclusivas de casa pessoa e podem mudar muito de família para família. Eles variam muito de mês a mês. Logo, esse dinheiro, geralmente, é destinado para o lazer, como viagens, jogos, pizzas, etc.

Também para algumas contas diferenciadas, que não são necessariamente essenciais, como é o caso da Netflix e TV paga com vários canais.

Esses seriam os gastos menos importantes de todos. No entanto, eles podem ser facilmente responsáveis por um descontrole financeiro. Assim sendo, se você precisa de uma faxina financeira, o ideal é começar por aqui.

3 – Prioridades financeiras

O segredo da sua ascensão social passa muito pelos últimos 20%, pois essa é a quantia que deverá separar da sua grana mensal para investimentos – que vão render juros. É com esse capital que vai conseguir realizar os seus sonhos, independentemente de quais sejam.

Você deverá definir quais são seus objetivos e fazer uma divisão daqueles que devem ser realizados a um longo prazo e alguns mais simples e rápidos de completar.

Um exemplo de investimento rápido é para formar uma reserva financeira. Comprar a casa e o carro estão na lista de médio prazo. Para longo prazo, temos a previdência para garantir uma boa aposentadoria. E assim por diante.

Depois de definir quais são seus objetivos, você deverá escolher quais são as melhores opções de investimento para atingir cada uma dessas metas.

Como fazer o método acontecer na prática

Para seguir essa técnica de forma mais fiel, vamos trazer aqui 2 ideias. Aliás, esse tópico é apenas para quem viu se método 50-30-20 funciona, ok?

I – No primeiro caso, nossa sugestão é que baixe um aplicativo de finanças, onde poderá anotar todo o dinheiro que entra e que sai da sua conta mensalmente, fazendo um rastreio automático de tudo isso.

A ideia é não perder o controle de como estão indo seus gastos e pagamentos, sempre dentro do que pode usar.

II – A segunda ideia é deixar programado que os 20% das prioridades financeiras sejam destinados automaticamente assim que seu salário cair na conta para sua poupança, Tesouro Direto, Fundos de Investimento ou outra aplicação que escolheu fazer.

Saiba se o método 50-30-20 funciona para você

Isso é importante, pois muitas pessoas acabam pegando esse dinheiro para poder cobrir os outros gastos, fazendo com que o seu equilíbrio financeiro seja afetado. No começo pode ser um pouco difícil depositar o valor total, mas criar o hábito de poupar é um grande passo.

ANÚNCIO