Planejamento da Viagem – como economizar dinheiro?

193

Viajar faz bem, ajuda a desestressar e acalmar os ânimos. E também sair daquela correria do dia a dia e aproveitar mais a família e amigos.

Deste modo concluímos que não podemos deixar de ter momentos de diversão depois de tanto tempo se esforçando no trabalho. Mas, existem maneiras de se planejar para viajar gastando pouco.

Como viajar sem gastar muito?

A resposta é bem simples! Porque em primeiro lugar é preciso escolher um destino mais em conta, que não extrapole o orçamento financeiro.

E existem sim lugares bonitos, bacanas para conhecer a admirar a beleza de maneira que os gastos fiquem acessíveis.

Podemos pensar, de certa maneira, que mais dependemos das companhias do que do próprio lugar, só de estar respirando outros ares com pessoas que amamos, o ambiente já fica mais agradável.

Baixa Temporada

Outra dica importante é viajar em baixa temporada, pois os preços de passagens ficam mais acessíveis e não encontramos destinos superlotados, o que incomoda muito e aproveitamos menos do que o desejado.

Já na alta temporada nos referimos a carnaval, natal, ano novo e feriados prolongados.

Hospedagens

Pode-se pensar também em opções alternativas de hospedagens, ou seja, ao fazer uma viagem para praia, por exemplo, as casas que ficam mais próximas da orla da praia são as mais caras e talvez não seja necessário tudo isso.

Se acomodar em pousadas e hotéis que fiquem a uma determinada distância geralmente é mais barato, e ainda dá para passear pela cidade observando o que ela tem de bom para oferecer.

Eventos

Com isso, conseguimos pesquisar e encontrar pontos turísticos e passeios que possuem entradas gratuita e então devemos usufruir deste dia, seja em museus, aquários ou exposições.

Pessoas

Estar em um grupo de pessoas também ajuda na hora de dividir as contas, então pode ser uma opção para quem tem famílias grandes e para quem curte viajar com vários amigos.

Alimentação

Outra dica valiosa é sobre alimentação, claro que precisamos nos alimentar diariamente a cada 3 horas, mas nem sempre é possível encontrar comidas saudáveis nas viagens.

É necessário estipular um valor x para cada refeição, lembrando que devemos contar com o café da manhã que a maioria dos hotéis e pousadas oferecerem, inclusive tomar um café bem reforçado.

E no almoço procurar por restaurantes que os moradores da cidade e pessoas que passam na rua indicam, ficar somente atrás dos guias turísticos é fria, pois eles irão indicar os melhores restaurantes da cidade e consequentemente serão os mais caros.

É melhor provar comidas que nos satisfazem e não fogem da estimativa, e que também sejam de qualidade.

Cartão

Uma última dica é sobre o cartão de crédito, ele pode ser um ótimo aliado ao facilitar parceladamente a viagem dos sonhos.

Mas, quando utilizamos para qualquer compra pode virar uma verdadeira bola de neve, então antes de passar o cartão pense se aquela compra é realmente necessária.

Aproveitando a viagem…

Fazendo um planejamento e recalculando os gastos da viagem pode ficar bem mais em conta.

Então, depois desse primeiro passo, basta curtir e aproveitar os dias livres, saindo da rotina e pensando nas coisas boas da vida.

Se possível fotografe, filme. Esses momentos poderão ser guardados para sempre na memória e ficarão registrados com apenas alguns cliques.