Conheça 5 ilhas de San Blas, cenário de La Casa de Papel

Quem assistiu a 3ª temporada de La Casa de Papel sabe muito bem de qual cenário estamos falando. O lugar foi palco para o “descanso” curto de Tóquio e Rio. E fica no Caribe. Pensando nisso, temos aqui 5 ilhas de San Blas, que é o lugar paradisíaco, também chamado de Guna Yala.

Para quem não conhece ainda, esse é um arquipélago que tem mais de 300 ilhas paradisíacas. E nós tivemos a missão de separar apenas 5 delas. E para ser mais exatos, o lugar fica na costa leste do Panamá.

Agora, para quem quer relembrar a cena, considere os primeiros minutos da 3ª temporada. É bem incrível lembrar dos personagens em cima da Ilha Pelicano. Agora, considere que por lá, praticamente toda ilha tem água cristalina e natureza exuberante.

Se você ainda ficou com dúvidas, saiba que é esconderijo de Rio (Miguel Herrán) e Tóquio (Úrsula Corberó). Por lá, eles navegam de balsa de madeira e vivem livremente entre as árvores. Sendo essa uma realidade dos moradores locais.

ANÚNCIO

1 – Isla Perro Chico

A primeira das ilhas de San Blas que vamos citar aqui é Isla Perro Chico. Essa é uma ilha das mais famosas da região toda. E como todo lugar do Caribe, a praia é limpa e o mar não muito agitado. O que torna o lugar ideal para nadar, mesmo porque as águas são cristalinas.

Outra coisa é que essa ilha é muito procurada pelos turistas. Ainda assim, é considerada bem intimista, sendo que só fica movimentada aos finais de semana.

Mais uma curiosidade dessa ilha paradisíaca é que dá para fazer mergulhos de snokerl. E dá para ver um navio naufragado em Perro Chico. Ele fica na parte rasa e torna o passeio ainda mais incrível.

Por último, ainda sobre essa ilha de San Blas, saiba que a culinária local é ótima. Tem poucas opções, é verdade, mas tudo é feito pelos próprios moradores locais. Na dúvida, peça a pescada na brasa, que acompanha o arroz com coco. É um dos pratos mais típicos.

2 – Isla Aguja

Também é uma ilha bem conhecida porque é a mais “próxima” de se chegar. Ela fica pertinho do continente e tem uma estrutura bem mais desenvolvida do que as demais. Com mais opções de banheiros e de cabanas.

Diferente da ilha citada anteriormente, essa opção fica mais cheia, ainda mais na alta temporada. Mas, ainda assim, sempre dá para achar lugares vazios para passear.

Ah, é aqui que estão as melhores lembrancinhas de San Blas. Tem a venda de artesanato dos Kuna, que vendem tecidos bordados coloridos. E o mar também é incrível para viajar sozinho, em casais ou com crianças.

3 – Isla Kuanidup

A próxima das ilhas de San Blas, que foi cenário de La Casa de Papel, é Isla Kuanidup. Ela também pode receber o nome de Guanidup. Mas, o fato é que é uma das menores e das mais rústicas de todo arquipélago.

A estrutura está bem longe de ser desenvolvida, por isso, o número de turistas é bem menor. Ainda assim, é ótima para viajar. Ainda mais se você quer sentir o que foi tratado na série. Que se resume em algo como “exótico” ou, no mínimo, “calmo demais”.

É um lugar simples e original. Maravilhoso também. Tem muita praia para pouca gente. Além disso, tem uma comida tipicamente deliciosa. Dá para experimentar vários tipos de peixes e conhecer novos tipos de temperos.

Na hora de viajar, descubra quem você é em La Casa de Papel

4 – Isla Tubisenika

Está aqui na nossa lista de ilhas de San Blas porque está entre as mais famosas e perfeita para quem quer se hospedar de forma mais tradicional. Ela é dividida entre duas partes, sendo dois donos: Ilha Franklin e Cabanas Senidup.

Agora, se achou grande, saiba que dá para dar a volta na ilha toda em 10 minutos.

A parte de Franklin é bem mais tranquila. Já Senidup é mais agitada. De qualquer modo, o mar é limpo e perfeito em ambos os lados. Do lado negativo, os banheiros não são privativos e não tem todo tipo de equipamento que você pode estar acostumado.

5 – Isla Coco Blanco

A última ilha que vamos citar aqui é de Coco Blanco. Ela acomoda uma variedade grande de visitantes e tem hospedagens diferentes também, com mais opções. Mas, sem deixar de ter o charme rústico, obviamente.

O lado bom é que a partir dessa ilha dá para visitar as outras opções, criando um roteiro entre ilhas.

Como chegar até as ilhas do Panamá?

Se você ficou interessado pelas ilhas de San Blas, saiba que tem como chegar lá sem muitas dificuldades. Primeiro, é preciso pegar um avião até o Panamá. Há voos diretos aqui do Brasil, saindo das principais capitais.

Depois que chegar até o Aeroporto Internacional de Tocumen, na Cidade do Panamá, saiba que você deve ir para os portos. Há duas opções: Carti ou Barsukun. E é assim, de barco, que se chega até a ilha de Guna Yala.

Agora, do aeroporto ao porto dá para pensar em passeios de carros, que tem os seus desafios porque passa por florestas. Aí, o ideal é buscar auxílio em serviços especializados. Agora, outra alternativa é pegar um avião até a zona portuária, que é mais rápido e mais caro também.

A partir daí, tudo vai depender da sua hospedagem ou da sua vontade de ficar nesse lugar tão exótico e incrível ao mesmo tempo. Com certeza, você não vai se arrepender.

ANÚNCIO