O que se deve evitar de falar em Portugal

35

Portugal é um país lindo, histórico, cheio de belezas naturais, de um povo ultra acolhedor e que tem o português como idioma. Este último é o motivo de muitos brasileiros escolherem o país como destino na Europa e o que tem levado tantos tupiniquins para lá.

Porém, não se engane. Apesar de falarmos a mesma língua, os portugueses podem estranhar ou até mesmo se irritar com algumas palavras comumente usadas por aqui.

No artigo a seguir, você confere quais são essas palavras e porque você deve evitar de dizê-las em Portugal. Acompanhe!

Durex

No português do Brasil, “durex” é o nome de uma fita adesiva transparente frequentemente utilizada, principalmente no ambiente de trabalho e escolar.

Mas, em Portugal, a palavra “durex” possui um significado completamente diferente e é melhor evitar dizê-la na maioria do tempo – principalmente se o que você quer é falar sobre uma fita adesiva.

“Durex” no português de Portugal significa camisinha.

E não é uma camisa pequena, mas sim o preservativo mesmo.

Uma das marcas mais famosas de camisinhas por lá se chama Durex e o uso da palavra acabou se estendendo ao preservativo em si.

O termo correto para fita adesiva, ou o durex brasileiro, é fita cola.

E se o que você quiser for falar mesmo sobre camisinha, mas bater aquela dúvida sobre qual termo usar, opte por “preservativo”. Eles também o usam para se referir a camisinha.

Paneleiro

No Brasil, a palavra paneleiro tem vários significados, mas geralmente a usamos para nos referir a alguém que fabrica, vende ou conserta panelas e também aos móveis utilizados para guardá-las.

São estes os significados que constam nos dicionários.

Mas, em Portugal, é melhor evitar utilizar essa palavra em qualquer uma dessas situações.

Por lá, “Paneleiro” significa gay e é equivalente ao “viado” e “baitola” que usamos por aqui.

Logo, é melhor cortar “paneleiro” do seu vocabulário enquanto visita Portugal.

Calcinha

Essa é uma das mais interessantes de todas e, embora não possa causar muitos problemas, pode render situações constrangedoras e uns bons micos.

Isso porque lá em Portugal os homens usam calcinha.

Não aquilo que conhecemos como “Calcinha” por aqui, mas aquilo que conhecemos como “Cueca” e lá é conhecido como “Calcinha”.

Essa palavra tem o sentido exatamente contrário no português de Portugal e é completamente comum por lá os homens usarem “Calcinha”.

Então, não estranhe se ouvir algo do tipo. E não relacione essa palavra com mulheres!

Significado diferente em Portugal

A “Calcinha” de Portugal é um belo exemplo das palavras que existem no português europeu e podem te assustar, mas existem diversas outras.

Não se estranhe, por exemplo, se um portuga te mandar tomar uma bica; é que por lá, bica significa café!

Muito menos fique bravo se for convidado para provar um cacete no meio da tarde porque “cacete” em Portugal é o mesmo que o nosso tão apreciado pãozinho.

Palavras como essas demonstram como o nosso português e o português de Portugal são diferentes, apesar de serem a mesma língua!