Bike Parks – descubra 7 destinos que todo ciclista deveria conhecer

Você já ouviu falar em Bike Parks? São aqueles lugares que são ótimos para quem gostam de pedalar. Não importa se estamos falando de montanhas, estradas ou outro tipo de pista. O fato é que existem destinos que todo ciclista deveria conhecer e você vai ver quais são eles.

Esses lugares estão espalhados por todo o mundo e se você gosta de aventura, com certeza, vai considerar passar por essas regiões na sua próxima viagem. Lembre-se que estamos falando de locais desafiadores e você vai precisar de preparo físico e psicológico para encarar.

1 – Nevados de Chillan

Aqui bem pertinho, no Chile, temos a primeira indicação. Por lá, o ciclista vai encontrar cenários espetaculares para pedalar, que são de tirar o fôlego. A vantagem é que o país fica bem perto aqui do Brasil e tem áreas desérticas sem muitos riscos.

Além do mais, os chilenos costumam ser hospitaleiros. A melhor época para fazer o seu passeio por lá é entra novembro e abril. Logo, as suas pedaladas devem acontecer nas montanhas, com vários caminhos diferentes, de subidas e descidas.

Outro detalhe é que temos o que são chamadas de “trilhas técnicas”, sendo que você pode lidar com terrenos soltos, arenosos ou até mesmo em meio as florestas locais.

ANÚNCIO

2 – Bali

Agora a gente começa a ir mais longe. E o próximo dos destinos que todo ciclista deveria conhecer é Bali, na Indonésia. Também será uma opção boa para quem gosta de montanhas, mas nesse caso são vulcânicas. Além do mais você vai ver praias e florestas.

A estação seca do país fica entre abril e setembro, o que acaba sendo mais recomendável para a sua viagem. Entre os melhores lugares para o pedal temos as florestas e as descidas dos vulcões. Por lá, essas regiões são chamadas de “ilha de aventura” para o mountain bike.

3 – Cappadocia

A Cappadocia fica na Turquia e esse sim é um lugar incrível apenas para quem tem coragem. A gente tem por lá um terreno meio que “surreal” para quem quer pedalar com muita emoção. De abril a junho ou de setembro a outro sempre tem ciclistas por lá.

Você vai poder praticar o seu esporte em cânions, penhascos, trilhas pedregosas, estradas de terras e até singletracks. Aliás, esse tipo de passeio por lá se tornou tão popular que hoje tem empresas especializadas para acompanhar os viajantes.

4 – Namibia

Do lado africano, o melhor destaque fica por conta da Namibia. Entre abril e outubro, os ciclistas aventureiros podem realizar um verdadeiro safari de bicicleta. Então, você conhece zebras, girafas e toda fauna de lá.

Os passeios sobre as rodas devem acontecer nas montanhas, nos cumes de granito e em parques nacionais ou desertos.

destinos que todo ciclista deveria conhecer

5 – Nadi

Nadi fica em Fiji e é outro dos destinos que todo ciclista deveria conhecer. Inclusive, esse lugar se tornou conhecido mais por conta dessas opções de terreno para andar de bicicleta. O motivo? Montanhas inclinadas, vegetação com flores exóticas e plantações de coco.

Entre maio e setembro, você evita a estação chuvosa, por isso, é a melhor época. Até mesmo porque você vai passar em meio as vegetações, plantações, cachoeiras, estradas de terra. Porém, a dica é sempre ir acompanhado de empresas guias.

6 – Lofoten

Na Noruega, Lofoten tem montanhas que saltam do mar. Por isso, é um dos destinos mais incríveis para ciclistas. Além disso, as baias têm vilarejos e pescadores, o que acaba sendo um lugar que vai ficar na memória do ciclista.

Entre junho e setembro dá para pedalar na região norte, seguindo para várias direções. Isso porque por todos os lados temos fiordes, montanhas e mar. A dica é estar preparado para empurrar a bike já que encarar as trilhas não vai ser tão fácil assim nos penhascos.

7 – Nepal

A nossa última dica entre os destinos que todo ciclista deveria conhecer é o Nepal. Lugar que tem as montanhas mais altas do mundo e, portanto, você deve imaginar onde dá para se aventurar com a bicicleta, né.

Além disso, a diversidade climática de lá é bem especial, já que tem regiões que são subtropicais e outras que são bem perto do que é chamado de “polar”. A dica é viajar para lá entre outubro e dezembro ou fevereiro a abril.

Na parte baixa do país tem trilhas dentro de florestas tropicais. Assim, o mountain bike é bem famoso por lá e tem roteiros prontos com empresas especializadas para acompanhar você.

Outras opções!

Outras duas opções que não citamos na parte do superior do texto, mas que podem ser alternativas para você é Landmannalaugar, que fica na Islândia e Atlas Mountains, que fica no Marrocos.

No caso da Islândia, saiba que lá tem águas aquecidas por fontes naturais, tem cachoeiras, cabanas, vulcões e muita opção boa de terreno para passear. A dica é ir no final de junho para aproveitar as trilhas que são populares.

Já na opção marroquina, considere que os nevados são incríveis por terem uma paisagem única. Então, os meses de verão, que são os mais quentes, são indicados para os passeios de bike – entre outubro e maio.

ANÚNCIO