Descubra quais os animais que podem viajar de avião

108

Quem tem animal de estimação costuma sofrer muito ao fazer uma viagem de avião e deixar o pet para trás. Por isso, muita gente opta por leva-lo junto. Mas, você sabe quais os animais que podem viajar de avião sem que sejam prejudicados?

Confira as dicas que temos aqui considerando que o ideal é sempre pensar no bem-estar do seu animalzinho e o melhor de tudo é que em muitos casos é permitido que o pet viaje de avião junto com o dono. Mas, há restrições, confira!

O cachorro pode viajar de avião?

Essa é uma das principais dúvidas que as pessoas têm e que gerou o conteúdo que você está lendo agora. Normalmente, gatos são vistos em aeroportos para embarques de avião, mas nem sempre os cachorros… Qual é a regra?

A resposta vai depender do porte do animal, seja ele cachorro ou gato. Então, para viajar de avião com animais, você vai ter que considerar o tamanho do animal. E algumas empresas aéreas ainda consideram a raça, além do peso.

PROPAGANDA

De maneira geral, os animais que podem viajar de avião são aqueles que têm até 7 quilos, sendo que podem ir com os donos nas cabines – para isso, a caixa de transportes deve ficar embaixo do assento durante a viagem.

Já os cães-guias sempre viajam com o dono, mas por serem animais de maior porte devem ir no mesmo compartilhamento das malas. E é importante saber que existem taxas adicionais para isso, com base no peso do animal.

Tipos de animais que podem viajar de avião

Já quanto aos tipos de animais, que vão além de gatos e cachorros, saiba que a maior parte das companhias aéreas aqui do Brasil têm suas próprias restrições: elas evitam, ao máximo, os braquicefálicos, isto é, com focinhos curtos (como pugs e bulldogs).

A explicação é para o fato de que eles podem ter problemas com a temperatura do corpo durante a viagem devido ao fato de que a respiração é mais restrita – logo, eles precisam de mais circulação de ar.

Animais em estado de gravidez também não são aceitos em voos – nem domésticos e muito menos internacionais. O mesmo vale para animais sem vacinas completas ou com problemas cardíacos.

A Caixa de Transporte

Um dos cuidados que se deve ter ao levar um pet para viajar de avião é com a caixa de transporte que será usada. Isso porque o assunto não é apenas uma regra da aviação, mas tem a ver com o conforto do animal.

A indicação é para o fato de que a caixa de transporte deve ser feita de materiais resistentes e com estruturas firmes, além de que a dimensão deve corresponder ao porte do animal.

Hoje em dia há várias regras e exigências das companhias aéreas, sendo que todas tem a ver com equipamentos, pesos e dimensão das caixas. O lado bom é que todas as companhias aéreas com padrões internacionais devem cumprir as determinações.

As dicas para a caixa de transporte são: que seja pequena a fim de que caixa no assento do avião – isso facilita porque o animal pode ir junto com o dono e que tenha compartilhamento de água e ração para movimentação e transporte.

PROPAGANDA