Conheça o café ao redor do mundo – 7 países que merecem respeito

Que o povo brasileiro adora café, você sabe. Mas, já se perguntou da onde vem o café? Qual é a origem dele? Como o café é visto e consumido em outras regiões do mundo? Provavelmente, não. Então, conheça o café ao redor do mundo e saiba de curiosidades.

Ah, vale lembrar que existem diversos outros países que se relacionam muito bem com o café, obviamente. No entanto, a nossa ideia foi citar aqueles que acabam caindo no esquecimento. Mas, que de uma forma ou de outra, merecem o seu respeito.

Por exemplo, estudiosos dizem que foi na Etiópia que o café foi descoberto. Por isso, esse será o nosso primeiro país citado aqui. Leia tudo.

1 – ETIÓPIA

O país venera tanto essa bebida que existe uma cerimônia para ele. Assim, uma mulher é responsável por trazer grãos verdes. Eles são lavados de forma delicada em um recipiente de barro. Depois, ela mexe os grãos em uma fogueira e quando ficam escuros, eles são torrados.

Ainda durante o processo, o café passa para o pilão, onde é moído. Assim ele é colocado em uma garrafa, que tem um sistema próprio de filtragem. A água fervente é usada para terminar o processo, que é quando o café é servido em xícaras.

ANÚNCIO

A curiosidade está no fato de que essa cerimônia do café acontece apenas em ocasiões especiais e há etíopes mais antigos que fazem isso todos os dias.

2 – INDONÉSIA

A Indonésia tem sido cada vez mais conhecida por ser um turismo barato. No entanto, ela também merece destaque pelo café. Mais especificamente, na Ilha de Java. Isso porque há uma curiosidade bastante curiosa, mesmo. E isso não é exagero.

Na prática, a gente vê que o café vem das sementes que foram coletadas de fezes. Como assim? A fermentação das sementes acontece no sistema digestivo da civeta asiática, que é um mamífero local. E isso torna o café único.

Mas, não se preocupe porque os grãos são lavados antes de serem torrados. Além de tudo, há ainda uma próxima curiosidade: o quilo do kopi luwak custa 700 dólares.

3 – VIETNÃ

Também, infelizmente, é um país que é só lembrado quando a gente ouve sobre guerras ou Bin Laden, não é mesmo? No entanto, considere que eles são os principais produtores do café robusto, que é aquele mais amargo e com mais cafeína – se comparado com o arábico.

A curiosidade está no fato de que o café mais tradicional de lá se chama ca phe sua da, que nada mais é do que um café misturado com leite condensado e que é servido gelado.

4 – IÊMEN

Esse país é um dos menos conhecidos que vamos citar aqui. No entanto, para quem quer conhecer o café ao redor do mundo, ele deve ser lembrado. Isso porque as primeiras mudas de café no mundo todo foram cultivadas lá – de onde chegou ao mundo árabe.

Assim, o fato curioso é que para garantir todo monopólio do produto, os árabes ferviam ou torravam as sementes (isso as torna inválidas para o plantio). E era assim que as sementes eram comercializadas.

Na história, há contos que dizem que um contrabandista conseguiu umas sementes de café férteis (antes da torra) e levou para a Europa e para a Ásia.

5 – TURQUIA

A Turquia está aqui na lista. Mas, por que será? Antes, lá era chamada de Constantinopla. E era servido o café turco. Ele era preparado a partir da moagem mais fina dos grãos. Depois, era colocado em água fria para preservar o sabor. Então, ia para dentro do cezve (recipiente).

Somente após isso havia o processo de fervura, que era feita 3 vezes – e sem que ele queimasse. Após a retirada do fogo, pela última vez, espera-se um minuto, quando a borra do café vai para o fundo da cezve e a bebida fica pronta para ser servida.

Para fechar a receita, ainda deve adicionar açúcar ou especiarias.

6 – COLÔMBIA

A nossa vizinha Colômbia também representa curiosidades sobre o café ao redor do mundo. Sendo assim, em Quíndio fica o Parque Nacional do Café, que é onde está o Museo Del Café. Ele é totalmente dedicado ao produto.

Assim, por lá dá para conhecer desde o processo de fabricação até mesmo o conhecimento das réplicas tradicionais do café colombiano. Ou você pode optar por fazer o passeio de modo mais moderno, com teleféricos ou montanhas-russa.

7 – ITÁLIA

A Itália é um país turístico muito conhecido no mundo todo. E a nossa ideia era apenas os países menos conhecidos. No entanto, a curiosidade vale a pena. E ela acontece em Milão. Lá foi o primeiro ponto de chegada das mudas de café na Europa.

Veja 7 cafeterias para conhecer em países famosos no mundo

Então, elas se espalharam pelo país todo e começou a ganhar variações. A que foi inventada em Milão e ficou conhecida mais tarde aqui no Brasil foi o café expresso ou espresso – dependendo da região, a escrita se difere.

Outros países

Se a lista fosse maior ou a possibilidade de listar outras curiosidades, considere que teríamos aqui outros países, como a Áustria, onde o café melange é o mais conhecido, que nada mais é do que uma mistura com leite e chantilly.

café ao redor do mundo

Já na França temos a curiosidade de que o café se tornou alternativa não alcoólica para as cervejas. E isso foi responsável por fazer nascer as mais diversas cafeterias. E a gente poderia falar até mesmo do nosso Brasil, que exporta o produto para vários países hoje.

ANÚNCIO